Porquê a Santa Ceia? (Parte 1)


Jesus mandou lembrar do seu sacrificio, e sempre tomar do corpo e do sangue em memória dEle, mas porquê? O que é o pão e o vinho?


Apesar de ser um simples pedaço, o pão após ser consagrado torna-se, pela fé, a representação do corpo de Jesus que foi entregue por nós, já o vinho, da mesma forma, após ser consagrado torna-se na representação do sangue de Jesus, entregue por nós.
Mas afinal o que isto quer dizer?
Parece uma mera formalidade, porém quando a pessoa aceita o sacrificio de Jesus, este acto de comer do corpo e beber do sangue é muito mais do que isso, Jesus foi entregue em sacrificio, o seu corpo foi entregue e moído para carregar as nossas dores.
Todas as nossas dores foram sobre Ele, isto quer dizer que se eu carrego uma dor ou uma doença, eu não a devo carregar porque Jesus já a levou sobre sí ha mais de 2000 anos, mas então porque eu continu-o a carregar essa dor?
Porque você quer!
A partir do momento em que você se revoltar e falar pra Deus que Jesus já carregou essa dor ou essa doença, e que você já não a deve carregar e passar a não aceitar, então Jesus, pela sua , vai-lhe curar.
Eu lembro que eu era muito angustiada e um dia, meditando na palavra de Deus, li que Jesus começou a se angustiar muito no Monte das Oliveiras, ainda antes de ter sido feito prisioneiro, então eu entendi que a angustia que eu estava a sentir e havia sentido por tantos anos, já não era minha, eu já não devia carregar aquela angustia, e falei isso para Deus, daí em diante eu passei a me sentir aliviada, e em pouco tempo eu já tinha paz e a angustia que sentia constantemente simplesmente desapareceu. Tomando consciencia da verdade, então podemos ser livres, e isso aconteceu comigo.
Mas e eu que já fui curada, porque devo tomar do corpo?
É muito frequente nas igrejas, com o passar dos anos, mesmo as pessoas que já foram curadas, a dor voltar e a doença reaparecer, então esse é o motivo pelo qual devemos sempre participar do corpo de Jesus, para não aceitarmos as dores e doenças de volta, vivermos aceitando o sacrificio de Jesus e não aceitando doença nem dor nenhuma de volta ao nosso corpo, se eu já fui curada e vem a dor de novo, eu devo logo repreender essa dor, afirmando, com autoridade, que essa dor saia! E na hora da Santa Seia aceitar de novo a entrega do corpo de Jesus por mim, isto é algo que tem que ser constante, porque mesmo eu já tendo sido curada, a dor pode tentar voltar, mas cabe a mim dizer "não" para essa dor, por esse motivo devemos sempre tomar do corpo de Jesus.
"Jesus aceito o sacrificio que o Senhor fez por mim e não aceito mais doenças no meu corpo, porque mais uma vez eu lembro o Seu Sacrificio e meu corpo sarado e livre de todas as doenças é a confirmação de que o Teu sacrificio não foi em vão, por Ti, Jesus, eu estou curada!"
O facto de eu não aceitar as doenças não é rebeldia, como muitos possam pensar, pelo contrario, se eu aceitar as dores no meu corpo eu estarei desmerecendo o sacrficio de Jesus, é como se estivesse a falar para Jesus que não aceito o Seu sacrificio por mim, e isso é muito grave.


(Continua... )

0 comentarios:

Enviar um comentário

© Pérolas que Edificam, AllRightsReserved.

Designed by ScreenWritersArena